A Lei do Retorno e o efeito bumerangue

Você conhece a “Lei do Retorno”?

Sempre que eu aprontava, minha vó falava: “cuidado meu filho. Aqui se faz, aqui se paga

E com certeza em algum momento da vida você já ouviu isso também, certo? Essa frase sobre as consequências das nossas atitudes é a forma da sabedoria popular nos explicar sobre a famosa “Lei do Retorno.”

Também conhecida como Lei da “Causa e Efeito”, esta teoria diz que tudo que fazemos, seja bom ou ruim, cedo ou tarde, voltará para nós mesmos.

E não é algo que funciona só no aspecto pessoal vida pessoal não. No trabalho também!

É como se todo ato em nossa vida fosse uma espécie de bumerangue que uma vez lançado, vai, faz seu movimento e sempre volta.

Puxou o tapete do colega: o que é seu está guardado.

Fala mal dos outros pelas costas? Não espere comportamento diferente.

Revelou informações ou segredos que lhe foram confiados? Aguarda, guerreira(o)!

Eu sempre acreditei que sempre somos recompensados pelos nossos atos. E isto te assusta ou te alivia?

Ora meu amigo, minha amiga, cabe a nós decidir o que queremos dar e receber do mundo à nossa volta, cientes que tudo nos traz consequências.

Mesmo que demore meses ou anos, tudo volta pra você. A lei do retorno é implacável!

Essa frase cai bem: Escolha bem o que vai plantar porque o dia da colheita é inevitável!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

A empresa que não está na internet não existe

É surreal toda a acelerada transformação que tenho visto e que de fato estamos vivendo. Tanto nas relações humanas quanto na forma de realização negócios, é espantoso!

É possível que aquela vovozinha de quase 100 anos já tenha a realização de ter um Smartphone, já assista TV on demand ou utilize um Uber de vez em quando.

Ter um posicionamento digital não é mais uma tendência, nem um luxo. Isso é uma necessidade, e você pode nem acreditar, mas o que mais existe por aí, é:

  • empresa que não tem um site ou possui um site defasado e ruim;
  • empresa que não aparece nos resultados de busca;
  • que não utilizam profissionalmente as redes sociais.

E deixam de aproveitar um mundo de oportunidades de novos negócios, de posicionamento de marca, de relacionamento com o cliente…

Sendo você dono de uma empresa ou um profissional liberal que tem enfrentado dificuldades para alavancar suas vendas entenda o seguinte: É emergencial estudar sobre posicionamento digital.

Os tempos duros exigem que sua empresa seja achada com apenas um ou dois cliques. O que isto quer dizer, de forma prática:

1 – se não aparece na primeira página do Google, não existe.
2 – se o seu público alvo não te acha fácil nas redes sociais, como Facebook, Instagram ou Linkedin, você não existe.
3 – se seu site não está no mobile – adaptado para ser visitado pelo celular – você não existe.

Não subestime a importância do posicionamento digital!

A frase do dia é: quem não é visto não é lembrado, e quem não é lembrado não existe.

Se inscreva gratuitamente no meu canal no YoutTube e não esqueça de ativar as notificações!

#BóraVoar?

Diego Maia é o palestrante de vendas e motivação mais contratado do Brasil, com expressiva atuação em Portugal. Recentemente foi eleito um dos 10 maiores influenciadores de vendas do país.

Contrate uma palestra do Diego Maia para sua convenção de vendas: faça sua cotação clicando aqui

Para sair da gaiola é preciso ter CORAGEM

Eu, você, todo mundo, temos diariamente a mesma chance de escolher. Sempre podemos decidir ter coragem de colocar nossa ideia em prática ou simplesmente podemos escolher “começar amanhã”.

Mas esse é o problema: o tal amanhã nunca vem.

Todos os dias podemos decidir entre ficar onde estamos de forma confortável, onde não há críticos para nos julgar ou simplesmente enfrentar o mundo e ir além dos nossos limites.

A verdade é uma só: a maioria de nós continua sonhando com objetivos e metas, mas sempre arrumamos pretextos e seguimos a vida na nossa amada e irresistível zona de conforto.

Isto vale pra tudo. Agimos assim em questões de família, de trabalho, de estudo…

… e aquele curso de inglês que você se comprometeu começar no início do ano? Olha quanto tempo já passou!

As justificativas, eu sei… são muitas: não tenho tempo, não tenho dinheiro, tenho filhos, marido, sogra….

Mas elas, as justificativas, sempre vão existir! E o tempo passa rápido.

Quantas oportunidades você já perdeu por não ter a coragem necessária para começar?

Eu estava caminhando pelo bairro de Santa Teresa no Rio de Janeiro e vi uma arte com muito significado – especialmente pra este meu comentário de hoje.

Na parede, uma pintura com os dizeres “Para sair da gaiola é preciso ter coragem”.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

O que a vida quer da gente é coragem

Eu tinha uns 13 anos quando tomei coragem e resolvi abordar a menina mais bonita do colégio e dizer que eu estava perdidamente apaixonado por ela.

Mas, claro, aquilo que não foi assim de uma hora pra outra.

Lembro que foram semanas e semanas de preparação, de dúvidas, de neuras.

Pensava: “E se ela não der a mínima? Se meus amigos descobrirem? E se ela já tiver namorado?

Para colocar em prática aquele meu plano e conquistar a minha meta – que era namorar, casar e viver com ela pro resto da vida -, tive que superar o mais absurdo e colossal dos obstáculos: a minha própria mente.

Quantas vezes na nossa vida tudo que falta é coragem?

Coragem de fazer, coragem de seguir em frente?

Coragem de dizer sim ou de dizer não, disposição para enfrentar os desafios, paciência para entender que nem tudo será compreendido de primeira.

Então, aquilo que você quer fazer, aquele plano que você quer executar: talvez a hora seja agora, amanhã pode ser tarde!  Viver esperando pelas condições certas corremos o sincero risco de jamais tirar seus projetos do papel. Porque uma coisa eu te asseguro: não existem condições certas.

Ah, você quer saber o fim da história do meu romance de adolescente? Sem final feliz!

A menina me deu toco gigantesco, a escola toda ficou sabendo, fui zoado até pra caramba (o que hoje chamam de bullying), mas quer saber: foi ali que eu aprendi um ensinamento que carrego comigo até hoje.

Aprendi na prática que o importante é tentar, não importa o resultados.  Porque quando você não tenta, o fracasso é certo.

Descobri ali, jovenzinho, a essência do que Guimarães Rosa escreveu: “o que a vida quer da gente é coragem”.

Bóra falar mais sobre isso lá no meu Instagram ?

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Coloque o que é “Importante” antes do que é “Urgente”

A maioria de nós gasta seu tempo com coisas urgentes, mas sem importância.

Quer ver? Me diga… qual é a primeira coisa que você faz quando acorda?

Peraí, deixa eu adivinhar….  já sei! Por exemplo, você pega seu celular e checa imediatamente as notificações. Acertei?

Desde o primeiro minuto da manhã, pautamos nossa vida de forma reativa – reagindo as postagens que aparecem no nosso feed e reagindo as mensagens dos grupos. 

Outro dia, numa convenção de vendas eu palestrava justamente sobre isso.  Um jovem profissional nascido na década de 90 pediu a palavra e abriu seu coração. Disse assim: “Diego, sinceramente não conheço outra vida se não essa, de acordar e pegar meu celular”.

Então, ali caiu a ficha: o poder da tecnologia é tão avassalador que é o celular que controla a gente e não a gente que controla o celular.

Nossa vida se tornou mais reativa, do que  proativa.

Outro dia uma pessoa me mandou um e-mail falando que tomou a iniciativa de apagar diversos aplicativos por conta de uma palestra que assistiu comigo. E olha, eu nem levanto esta bandeira.

O fato concreto é que o nosso tempo é tão escasso, nossa temporada termina tão rápido… cada minuto do nosso tempo é precioso.

Que tal dosar o seu precioso tempo com o que é importante para você? Concentrar seus esforços no que pode te desenvolver? Se tornar mais proativo do que reativo?

Disciplina é o nome deste jogo. Faça uma lista de prioridades importantes e urgentes e assuma o controle.

Esta é a forma de destravar tua produtividade.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

O segredo da felicidade no trabalho

Você vai para o trabalho feliz?

Você trabalha com o que você gosta ou cada manhã é um martírio para levantar da cama e encarar a realidade que te aguarda na empresa – seja um trabalho presencial ou remoto?

Se você ganhasse na MegaSena, jogaria tudo pro alto?

Neste post não vou falar de “trabalho dos sonhos” ou qualquer coisa do tipo.

Quero apenas dizer que se há algo extremamente prejudicial para a sua sanidade mental esse algo é trabalhar com o que não se gosta, de forma amargurada, querendo estar em outro lugar… mas você segue ali, porque afinal, não pode simplesmente pedir as contas e ir pra outra, você tem compromissos, família, prestações, boletas…

Não – não estou propondo que você chute o pau da barraca. Nada disso.

Estou propondo que você olhe para o seu trabalho com outros olhos. Você passa a maior parte do seu tempo acordado, trabalhando. Passar esse tempo todo reclamando e não querendo estar ali é uma espécie de suicídio lento e vagaroso.

Mas será que é possível ter felicidade trabalhando? É óbvio sim, tudo é uma questão de perspectiva.

A felicidade não está num pote de ouro escondido atrás do arco íris não. Ela está está em curtir o que fazemos. Você consegue enxergá-la de duas formas:

  • Quando você para de reclamar de tudo e para de se concentrar somente no que é negativo.
  • Passar a viver o presente. Muitos de nós vivem no passado, outros tantos vivem no futuro.

Aprenda a viver e a curtir o agora, faça um esforcinho para apreciar as coisas legais do seu dia. Nós sempre temos alguma coisa boa para celebrar.

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Como se manter motivado no trabalho

Hoje eu vou compartilhar com você uma forma de se manter motivado no trabalho. É um conceito que eu mesmo adotei na minha vida e me fez ter uma nova visão sobre este tema.  

Por que não tem jeito: por mais que você seja uma pessoa super alto astral e otimista, em algum momento a praga da desmotivação pode pegar você. 

Repare que não estou me referindo a transtornos de ansiedade ou a depressão – o tratamento para isto é outro. Eu me refiro a motivação diária para o trabalho que fazemos.  

Aí vai: esqueça grandes metas, concentre-se nas pequenas vitórias.  

Metas grandes podem se tornar abstratas e por isso criam uma distância difícil de relacionarmos com nossa rotina. E muitas vezes podem levar meses ou anos para serem conquistadas. 

O segredo são as pequenas vitórias, as pequenas conquistas do dia a dia. Qualquer coisa que tenha corrido bem ou funcionado. 

Pequenas conquistas fazem parte do processo  e você precisa prestar atenção a eles quando está se sentindo pouco motivado

Lembre-se: os nadadores olímpicos usam as pequenas vitórias para conseguirem sobreviver motivados aos meses de treinamento rigoroso. Qualquer segundo reduzido já é uma grande conquista para eles.  

Além deste hábito, se você quer se manter motivado, evite pessoas negativas. Elas sugam sua energia e desperdiçam seu tempo.  

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Reclamar é clamar duas vezes

Quem me acompanha pelo rádio, pelo Spotify, pelo Instagram – às vezes pelos três – deve ter reparado que esta semana lancei uma espécie de desafio: “Só por hoje eu não vou RECLAMAR”  

Mais do que um simples hábito, o ato de reclamar de tudo e de todos possui o poder aterrorizante de tirar o nosso olhar daquilo que realmente importa.  

Eu não estou dizendo que devemos aceitar tudo que acontece ao nosso redor de cabeça baixa.

Nada disso!

Estou simplesmente acreditando que quanto mais a gente reclama sem agir, sem buscar uma solução, sem propor alternativas, mais a gente afunda. Porque, como eu disse aqui, reclamação é igual areia movediça. 

Um rabino me contou que quando reclamamos muito de algo ruim, de algo que nos incomoda e que  desejamos nos livrar, a gente CLAMA EM DOBRO por esse mal.

Talvez seja este o significado literal de reclamar: clamar duas vezes.  

E isto vale tanto pro reclamão (que passa o dia reclamando do chefe, do presidente, da política, da crise, do cliente, quanto para aquele que reclama de coisas simples da vida, reclama do sol, do calor, do trânsito, da sogra… ), quanto para aquele que reclama rotineiramente de um tema específico e acaba se transformando numa nuvem negra carregadíssima, daquelas que bloqueiam nossa visão para as coisas boas da vida, daquelas que possuem a incrível habilidade de sugar nossas energias. 

Que tal trocar a RECLAMAÇÃO por CELEBRAÇÃO? Sim, porque a gente SEMPRE tem alguma coisa para celebrar!

Escolha ao menos uma coisa boa que acontece no seu dia e celebre-a!

Trocar a reclamação por celebração é pavimentar sua estrada para o sucesso que você tanto almeja.

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

Pare de reclamar de tudo!

O sujeito passa a maior parte do dia reclamando de tudo.

Reclama do chefe, dos métodos da empresa, dos colegas, dos clientes e assim por diante!

Reclama tanto que parece aquela hiena do antigo desenho animado…

Conhece alguém assim por aí?

O problema é que reclamação é que nem areia movediça: quanto mais a gente reclama, mais a gente afunda.

Outro dia eu estava na recepção de uma empresa e era primeira semana de trabalho da nova recepcionista.

É fácil identificar uma recepcionista recém contratada: ela está super motivada, distribue sorrisos e dá bom dia para todo mundo.

Presenciei uma cena lastimável: um representante comercial daquela empresa entrou – ela deu bom dia e ele respondeu assim, de forma muito rabugenta:

Bom dia pra que? Só se for pra você que tem salário fixo, ticket restaurante e Plano de Saúde”.

Climão ruim.

Passou pouco mais de um mês, voltei naquela empresa – e a recepcionista que era motivada, entusiasmada, sorridente… – não dava bom dia para mais ninguém. Se fechou para tudo!

Reclamação é uma praga e pega facilmente na gente!

Então embarque comigo na campanha “Só por hoje eu não vou reclamar” e se policie ao máximo para cumprir este desafio.

Quer uma ajudinha? Compartilhe este texto com as pessoas que precisam deste alerta: reclamar pura e simplesmente não adianta de nada. Pelo contrário: reclamar só faz você ficar mais distante dos seus sonhos!

Me adicione no Facebook, no Instagram e no Spotify.

BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!

A vida é muito curta para viver da maneira que não queremos !

Já imaginou viver reclamando, insatisfeito, descontente com o trabalho, com sua profissão? Esse, sem dúvida, não é o projeto de vida de ninguém, mas muita gente vive assim…

Ao longo dos anos estudando o universo corporativo eu aprendi, a grosso modo, que a porta de entrada para este comportamento nefasto é a reclamação – comportamento que se a gente deixar crescer de forma acelerada e assustara – acompanhada por uma postura passiva em relação as bordoadas que a vida nos dá…

O fato é que a vida é muito curta para viver da maneira que não queremos. É preciso agir e rapidamente.

Se você está descontente com o seu trabalho, se ele não te dá mais prazer, se você não se sente motivado, sem vontade até de levantar da cama para iniciar sua jornada diária, é preciso rever, repensar, recriar.

Continuar assim, para mim, não é viver. É pura escravidão, é o que eu chamo de “escravidão moderna”.

Se você não gosta do seu trabalho, se o trabalho não te traz mais tesão, preste atenção nestas cinco formas de combater e corrigir esta situação nefasta:

• Primeiramente, avalie sua vida pessoal e profissional periodicamente. Veja o que está indo bem e que o pode ser melhorado. A partir dessa análise, repense e altere o que for preciso para ter sua alegria e motivação de volta;

• Segundo, não tenha medo de se arriscar. Avalie os risco e os benefícios de uma mudança necessária em sua vida e a coloque em prática;

• Terceiro, confie em você mesmo e tenha consciência de sua capacidade de mudar e inovar. Medo é normal, frio na barriga é normal. O anormal é seguir a vida fazendo o que não gosta “somente por causa do dinheiro”;

• Quarto, não empurre esta situação nem seus problemas com a barriga. Quanto mais rápido você tirá-los da sua frente, mais energia você terá para canalizar sua força no que realmente importa;

• E quinto, não se deixe influenciar por outras pessoas e por opiniões contrárias e negativas. Só você sabe o que é bom para si mesmo.

Já está inscrito no meu novo canal no Telegram? Tem conteúdo novo todo dia direto no teu telefone. Clica e vem!

#BóraVoar?

Diego Maia é um dos palestrantes de vendas e motivação mais contratados do Brasil, com atuação também em Portugal, Argentina e Estados Unidos. Leve Diego Maia para sua convenção de vendas!
Solicite uma cotação clicando aqui!